Viajando de Bike nos centros urbanos

by • 22/03/2008 • GeralComments (2)3747

+
-


Print Friendly

Viajar de bicicleta não é só preparo físico.

Qualquer viajante consciente e responsável deve ainda observar os equipamentos de segurança e outros apetrechos indispensáveis. Capacete, luva, mochila, lanterna, cronômetro, recipiente de água.

Sobre os equipamentos, isso foi matéria da Revista Viagem e Turismo de Maio de 2007.

Além disso, se puder, procure aprender como funciona o trânsito da região. Nem sempre as ruas serão “bikers friendly”, ou seja, compatíveis com o espírito esportivo do bicicleteiro. Em São Paulo, por exemplo, é perigoso, por conta do alto fluxo de carros e motos. Mas no final de semana é mais tranquilo e há grupos que organizam passeios noturnos, especialmente lá no Centrão (Link). Roteiros da Revista Vejinha: 1 | 2 | 3.
Notícia no site da prefeitura de São Paulo sobre lei que incentivará uso de bicicleta

No exterior, há sempre lugares que alugam as bicicletas. Lembre-se, porém, que seu roteiro deve ser manter em locais abertos. Em geral, não é permitido entrar nos recintos com a bicicleta.

No Brasil, é mais nos parques. Em São Paulo, nos finais de semana aluga-se no Parque do Ibirapuera e o Villa-Lobos por cerca de R$ 4,00 a hora. Matéria sobre cicilismo em São Paulo pela Revista Veja. Em Curitiba, no Passeio Público (Cicles Jaime) . No Rio de Janeiro, na praia de Copacabana e Ipanema. Vá ao albergue Che Lagarto na Rua Anita Garibaldi 87, Copacabana (2256-2778) ou informe-se na praia.
Há um projeto da prefeitura do Rio para instituir um sistema de aluguel de bikes, mas ainda não está implantado.
O Código de Trânsito Brasileiro estabelece que é obrigatório o uso de capacete, campainha, sinalização noturna e espelho retrovisor no lado esquerdo.

ESTADOS UNIDOS
Nos EUA, o aluguel não sai barato, exceto se for a semana toda. Por exemplo, em San Francisco, vai de $15 a $30 ao dia (você começa a imaginar se não é mais fácil comprar uma bicicleta nova…). http://www.baycitybike.com/. Aí vai do que cada um acha de custo-benefício.
Lembre-se que San Francisco é conhecida por suas ladeiras íngremes. Mas andar de Bike é popular lá, principalmente porque o trânsito na cidade costuma ser bem calmo. Em Washington: https://www.bikethesites.com/tour-pricing.htm
Em Nova York não é comum, exceto no Central Park ($40 por dia); link 2. Isso porque o metrô cobre absolutamente toda a cidade (exceto o parque, que conta com aluguel de barcos no lago e bicicletas).

Agora a moda nos EUA é o aluguel do Segway. Geralmente, acompanha tours em grupos, após uma pequenas explicação de como funciona. Porém, é uma brincadeira cara: o tour custa $70 a $80,00, como em Washington (www.citysegwaytours.com/washington). | Chicago | San Francisco
Também é comum aluguel de scooter, para idosos. Sai em média de $50 a $70 por dia. Os americanos adoram alugar esse carrinho, que é uma cadeira de rodas motorizada. É ideal para lugares bem asfaltados e largos, como Miami ou Las Vegas. http://www.scootaround.com/locations.htm. Las Vegas: http://www.lasvegaswheelchairs.com ($45/dia)

EUROPA:
* Segway: Madri. Paris | Praga, link 2 | Florença
* Bibicletas em Paris: Globo.com, fala do serviço da Velib, que compensa para trajetos curtos (até meia hora é de graça, depois, cobra-se 1 euro pela meia-hora adicional, depois 2 euros na terceira meia-hora e 4€ a cada 30 minutos.), mas há contrato de curta duração (1 dia ou a semana) por 1 euro e 5 euros respectivamente, mas precisa de um cartão de crédito para fazer um bloqueio de 150 euros, a título de garantia.
* Matéria sobre o Segway na Globo.com

————————————————————–

Há quem prefira usar patinete. Não é comum seu uso por turistas, imagino que seja por causa do peso. Um patinete custa de $30 a $50 dólares nos EUA.

Nota Adicional

Três dias depois do post, saiu uma notícia no Jornal Estado de São Paulo. Além de mencionar o cicloturismo em São Paulo (e o Clube de Cicloturismo: www.clubedecicloturismo.com.br), eles mandam umas dicas:

DICAS PARA INICIANTES
Uma bicicleta e um roteiro na cabeça:
eis a fórmula do cicloturismo
? Evite pedalar à noite
? Estude o roteiro antes de sair
? Use o ônibus para ir até o ponto
de partida
? Fuja de rodovias movimentadas
? Não leve bagagem nas costas;
prefira os alforjes
? Nunca esqueça de levar água
? Selecione bem sua companhia
(Estadao, Caderno de Viagem, 25 DE MARÇODE 2008)

Pin It

Related Posts

2 Responses to Viajando de Bike nos centros urbanos

  1. Bicicleta e Vida Urbana

    Andar de bicicleta é uma ótima opção de lazer e prática de esporte. O ciclismo é um excelente esporte para eliminar as toxinas, aumentar o poder aeróbio,

  2. Bike amiga bicicleta

    veículo que não polui o ar, nem congestiona as ruas pode ser uma boa saída para redução da poluição aérea, poluição sonora, aquecimento global, desafogamento da economia mundial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Kyplex Cloud Security Seal - Click for Verification