Faça seu próprio Guia Viagem – passo a passo

by • July 28, 2014 • Geral, iniciantesComments (0)1773

Você não achou aqui o guia da cidade que vai visitar? Basta fazer um! Nós damos as dicas do passo-a-passo para fazer um.

Para fazer um guia, você precisa:

1) Espaço no Google (Google Docs) ou Website (Blog)

2) Picasa ou editor de fotos

3) lista das atrações turísticas da cidade.

4) buscar um mapa online de sua preferência. (Embora o Google Maps seja um ótimo mapa, dá mais trabalho colocar o Pins e nomes dos lugares).

===================================
1) ESPAÇO ONLINE:  
Ter uma conta GOOGLE e espaço online (“nuvem”) ajuda: assim você não precisa fazer “Upload” de imagens por um outro programa.

Se você for usuário cadastrado Google, provavelmente já tem um pequeno espaço na Web.

Se você não tem um blog, você pode usar o Google Docs. No Google Docs você pode fazer um texto livre, similar ao que fazemos aqui. E ele salva tudo automaticamente. Se você tem um blog, então sabe que o mais fácil é copiar e colar diretamente no seu editor de Blog. Aqui estamos usando o WordPress, que é uma maravilha.

2) EDITOR DE FOTOS

Sugerimos  baixar o aplicativo Google PICASA, um editor GRATUITO de fotos que compartilha imagens para o seu banco de dados no Google com apenas um botão.
Com o Picasa, basta configurar para enviar todas fotos para o seu servidor Google. E, quando o PICASA está aberto, é só fazer uma cópia da tela pelo atalho  (Print Screen) que vem em todos os teclados, a imagem já vai direto para o Picasa.
Por exemplo, você viu uma imagem legal na WEB e quer compartilhar em seu Google: basta fazer cópia da tela, “cortar” a imagem no Picasa e compartilhar – não deve gastar mais de 10 segundos!!! (OBS: Cortar a imagem quer dizer reduzir apenas para a parte que você quer)

Segue um exemplo abaixo do uso do PICASA – o botão VERDE  na borda inferior é justamente para compartilhar.

————————————————————————–

3) FAZENDO O GUIA
A primeira coisa é se localizar no destino. Um mapa ajuda, e você pode encontrar sempre pelo Google Images.
MAPAS: Se você não achar um bom mapa no Google Imagens, você pode visitar o site oficial da cidade, ou ainda buscar no Google com o nome da cidade mais a palavra “Brochures”. Em português é Brochura, mas como a maioria das páginas estão em outra língua, suas chances aumentam se você usar palavras em inglês. Então, ao invés de Mapa, utilize “Map”.
O mapa é importante para você entender como é dividida a cidade, se os pontos turísticos são perto ou longe.

VAMOS A UM EXEMPLO:Vamos fazer aqui um guia de Bolonha, na Itália, escolhido aleatoriamente.Faremos em tempo real, ou seja, sem prévio material pesquisado ou conhecimento da cidade.No Google, faça uma busca por Bologna Map, ou seja, tudo em inglês.  Em Imagens, aparecem várias resultados.

Selecionamos o que parece mais claro em termos de detalhes.

Copiamos a imagem e colocamos a fonte (endereço URL).

Salve a imagem, se quiser, em seu computador. Assim você não precisa acessar toda hora na internet.

Pronto, já temos um mapa.

ATRAÇÕES E PONTOS TURÍSTICOS: a segunda coisa é ter o máximo de pontos turísticos – mas não aleatoriamente, eles devem estar organizados por região.

Se você não achar um bom site que coloque eles no mapa, então utilize o Google Maps.
(Ah, sim, se você não gosta da Google, talvez não deva continuar lendo o post).
Geralmente, cada cidade tem um site oficial, o que ajuda muito. Eles constarão os locais básicos.

E se a cidade tiver aquele ônibus de dois andares (procure por “Bus hop-on hop-off“), você saberá exatamente onde fica cada coisa.

NO EXEMPLO:A pesquisa por Bologna Brochures não achou nada de interessante.Mas apareceu o site http://www.bolognawelcome.com/, oficial de turismo da cidade, que dá boas dicas e tem uma mapa interativo e material para donwload – http://www.bolognawelcome.com/en/press-area/info-on-bologna/
Mais um mapa: http://www.bolognawelcome.com/files/PDF/MAPPE/mappa456x305eng2.pdfE tem itinerários também.http://www.bolognawelcome.com/en/press-area/info-on-bologna/itineraries/A pesquisa por “Bologna Bus hop-on hop-off” deu um resultado, http://cityredbus.com/en/category/citta/bologna/ – que tem também um mapa (pdf): http://cityredbus.com/wordpress/wp-content/uploads/Mappa-decorrenza-20-giugno-2014.pdfObservação: Claro que nem todas as cidades tem um site organizado.VAMOS SUPOR QUE NÃO ACHAMOS MATERIAL BOM NO SITE OFICIAL

Então o jeito é voltar ao Google e pesquisar. Uma boa forma de achar algo interessante é filtrar os resultados do Google por PDF, ou seja, aqueles arquivos que abrem no Adobe Reader, que parecem revistas. Basta colocar o nome da cidade + filetype:PDF

Acrescente outras coisas na pesquisa como attractions (atrações) ou map (Mapa) ou Sights (pontos turísticos) ou Top (melhores)

Em geral o material estará em inglês, mas geralmente o Google pode traduzir:

Se o arquivo for muito grande, o Google não conseguirá traduzir, trazendo uma mensagem de erro.

Já aparecem bons guias como o

1350

 

Agora que você tem o material para visualizar, precisamos buscar uma lista de pontos turísticos.

O jeito mais fácil é se a cidade tem City Card. Nos Estados Unidos e Europa isso é bem comum, um cartão turístico com descontos a atrações turísticas.

NO EXEMPLO: Bolonha também tem City Card. http://www.bolognawelcome.com/en/richiedicard/
E ainda tem uma lista de Museus em pdfhttp://www.bolognawelcome.com/files/bologna-welcome-card/affiliated-museums.pdf
Pronto, já há material para iniciar um rascunho

Já uma etapa um pouco mais complicada é saber os meios de transporte da cidade. Claro, de nada adianta saber onde ficam as coisas se você não saber como chegar até elas.

Para ônibus, coloque BUS, para metrô coloque METRO.  Para trem, coloque RAIL.

NO EXEMPLO:Os resultados que apareceram foram:BUShttp://www.atc.bo.it/Mapa da rede apareceu nos resultados em http://www.mobilemaplets.com/showplace/3066http://www.autostazionebo.it/

http://www.tper.it/ – Mapas em http://www.tper.it/percorsi-orari/mappe

METRO: não tem.

Agora é colocar “mão na massa” – ou seja, cortar e colar cada trecho de texto, juntar com uma figura.

MONTANDO O TEXTO

Utilize o Google Docs ou sua caixa de Email. (Se você tiver um blog, pode usar o aplicativo)

O principal é você organizar cada região com as atrações da área e saber se precisa pagar ingresso (e quanto) e quais dias abre.

A pior coisa é se organizar para visitar um lugar e dar de cara com o portão fechado. Lembre-se que museus fecham ou Segunda ou Terça. Alguns prédios oficiais do Governo não abrem final de semana.

Se há um bairro longe do centro, anote também qual ônibus ou transporte utilizar para chegar lá.

Basicamente você precisa de:

1) local, endereço, site – descrição – horário funcionamento – Preço. Como Chegar: (coloque qualquer ponto de referência que ajude, como “norte da catedral”). 

Reuna também todos os links no documento. Após, quando fizer a reserva do hotel, coloque o endereço logo acima.

Usar um pouco de cores para destacar o conteúdo facilita na hora da busca. Coloque títulos em destaque negrito ou em fonte maior.

NO EXEMPLO:PREENCHA OS CAMPOS:

GUIA DE ….,
SITE
MAPAS:
TRANSPORTE:   Preço:

CITY CARD:    Preço:     Validade:

ÔNIBUS TURÍSTICO:   Preço:   Validade:

PONTOS TURÍSTICOS DE BOLONHA

CENTRO

1) local, endereço, site – descrição – horário funcionamento – Preço. Como Chegar:

2) local, endereço, site – descrição – horário funcionamento – Preço. Como Chegar:

IMAGEM DO MAPA DA REGIÃO

=====================================
GUIA DE BOLONHA, ITÁLIA
SITE OFICIAL http://www.bolognawelcome.com
MAPAS: http://www.bolognawelcome.com/files/PDF/MAPPE/mappa456x305eng2.pdf
TRANSPORTE:  http://www.tper.it/  Mapas em http://www.tper.it/percorsi-orari/mappe  Preço: 1,30 Diário: 5,00 City Pass 10 viagens: 12,00. Aerobus aeroporto 6,00

CITY CARD:   http://www.bolognawelcome.com/en/richiedicard/  Preço:   € 20,00 Validade: 2 dias para ingressos, 1 dia transporte.

ÔNIBUS TURÍSTICO: Preço: € 13,00. Validade: 1 dia.

PONTOS TURÍSTICOS DE BOLONHA

CENTRO

1) Palazzo Fava, Via Manzoni, 2 (norte da Piazza Maggiore), www.genusbononiae.it/index.php?pag=26– Museu de Arte – horário funcionamento: 10 até 19  – Preço € 10,00 ou Bologna Welcome Card. Como Chegar: Fermata Indipendenza 11 A-B-C, 27 A-B-C, 28, NAVETTA B (da Parcheggio Tanari), BLQ (da Aeroporto G. Marconi). PDF http://www.bolognawelcome.com…brochure_genusbononiae_it.pdf

 

 

 

Print Friendly
Pin It

Related Posts

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Kyplex Cloud Security Seal - Click for Verification